Michelle

Clemente

O Estranho mundo de Michelle Clemente :P

Em algum lugar não tão distante aparentemente insignificante existem as coisas tão vitais para a vida...
.......

Bullying: um ato de violência e preconceito.



O Bullying é um reflexo de uma sociedade extremamente preconceituosa e intolerante. Existe um modelo de vida e de pessoas de certo padrão que é considerado o “certo” de se ser e de se ter uma vida deste molde, caso contrario é repudiados de modo preconceituoso, assim com o racismo, questão social e econômica baixa, inteligência, tipos físicos, deficiências físicas e mentais e entre outros.

Essas praticam que está em evidência em escolas, que o agressor se sente no direito de agredir aqueles que são taxados como inferiores a eles, o que leva os agressores se considerem superiores e tenta de maneira agressiva, agindo  com atitudes e inadequadas com gestos, apelidos, desenhos de caricaturas ofensivas, xingamentos, piadinhas e nos casos mais extremos a agressão física, para provar que ele é melhor.

Os resultados disso é algo muito sério que temos que levar em consideração e a sério, pois uma criança que tem sofrido esses tipos de violências, muitas das vezes para de ir a escolas ou carregam essa magoas e repreensão pela sua vida atrapalhando assim seu desenvolvimento na sociedade e no meio em que vivendo.

Crescem e tornam-se indivíduos depressivos, tímidos, melancólicos, quietos e antissociais. Contudo precisamos observar de onde é o núcleo e as fontes desse tipo de violência  tem ocorrido. A sociedade diz que devemos ser de brancos, cabelos lisos, de um corpo físico atraente, com roupas de grife e frequentar certos tipos de lugares.

Na escola acontece da seguinte maneira: a criança que é mais interessante que se esquadra é aquela que os pais têm uma profissão mais reconhecida, que os pais têm um carro do ano, uma casa grande e luxuosa, que suas rupas sejam de grife, que seus passeios sejam em lugares como a Disneylândia, que não seja gordo, magro demais e nem CDF (cabeça de ferro, Cu-de-Ferro, ou Cu-de-Frango, Cobaia-da-Fessora) como denominam alguém que estuda bastante e tem notas altas.

Além do bullying na escola, existe também na internet em redes sociais, onde o agressor faz um perfil anônimo e postam xingamento e depreciação a pessoa agredida acontecendo uma perseguição a esta pessoa, isto é chamado de cyberbullying. Algo que acontecem em nossos dia-a-dia, também as vitimas desse tipo de violência, no caso pode ser no trabalho com o assedio moral e até mesmo dentro de nossas próprias casas com os nossos parentes e familiares.

Essa violência está embutida na mentalidade e cultura na sociedade em que vive, pra uma mudança precisa-se mudar valores e princípios, esse papel é de cada cidadão, como de um todo. As mídias comerciais têm se formado  um tipo de consumidor que envolveram em todas as necessidades que o ser humano tem nesses desejos de ser e de ter altamente competitivos, isto, então é um fator que tem influenciado na estrutura da mentalidade e cultura da sociedade.

O paradigma precisa ser quebrado, no momento que cada um se aceitar como são e ser tolerantes a diversidades de estilos, etnias, crenças, opiniões e entre outras, estaremos aceitando uma sociedade democrática e livre de preconceitos e das violências.

# Compartilhar

    Blogger Comentario
    Facebook Comentario

4 comentários:

  1. Quando eu e meus irmão eramos pequenos, sofriamos muito por sermos filhos de pais separado. Por incrível que paraeca, nos eramos os únicos alunos cujo, pais não moravam juntos. Moravamos com minha vó e um tio no interior de Penedo Alagoas(Marizeiro) com cerca de duas mil pessoas. Nós eramos taxados como filho de "puta". Muitas vezes quando nós saiamos da escola alguns alunos ficavam nos esprando para zoar da gente, além, de bater muito no meu irmão mais velho que nem mal saia a roxidão do olho já estava roxo novamente. Hoje, sei o quanto a escola que estudavamos falhou por não ter dado um basta na situação, que poderia ter causado lesões graves e até a morte, principalmente do meu primogenito, que era espancado com pauladas, socos e pontapés e a direção da escola não fez nada para acabar com o problema. É inadmissível que a escola que é o segundo lugar onde as crianças e jovens, passam a maior parte do tempo não tenha comunicado os pais ou responsável legal para solucionar o fato ocorrido. fica o alerta... A sua redação foi ótima e com certeza vai me ajudar muito. Obrigada!

    ResponderExcluir
  2. Um comentário muito bom no meu blog, amo quando meus leitores publicam os comentários.
    Agradeço pela a participação, e fico muito feliz por poder ser útil!

    ResponderExcluir
  3. Muito bom. Ótimo mesmo este texto, me ajudou bastante para a elaboração da minha redação. OBG!

    ResponderExcluir
  4. parabens seu texto realmente é muito interesante e me ajudara bastante em minha redaçao.

    ResponderExcluir